data
-- Hora Certa:
Taques prepara mudanças de até 8 secretários
27/03/2018 13:29 em Politíca

O governador Pedro Taques (PSDB) se reuniu no último sábado com todo o seu secretariado para estabelecer estratégias e traçar metas para este final de gestão. Na oportunidade, os comandantes das pastas do Estado também fizeram um panorama geral da situação de cada setor. 

A informação é do secretário-chefe da Casa Civil deputado estadual Max Russi. “Tratamos sobre ações do governo”, disse. 

Outro ponto tratado no encontro foi as alterações que serão feitas no primeiro escalão estadual nos próximos dias em decorrência do final de prazo para desincompatibilização, estipulado pela Justiça Eleitoral. 

Conforme o socialista, todos os secretários com pretensões políticas deixarão os cargos já nesta semana. Isto porque, os interessados em disputar as eleições em outubro deste ano, devem deixar os cargos até o próximo dia 07. 

Até o momento, seis secretários já confirmaram que irão deixar o Governo devido ao pleito de 2018. Russi e o secretário de Cidades Wilson Santos (PSDB) retomarão as suas respectivas cadeiras na Assembleia Legislativa para disputar a reeleição. 

Wilson Santos integra o staff de Taques desde novembro de 2016, depois de perder o segundo turno das eleições para a Prefeitura de Cuiabá. Já Russi está no governo desde janeiro deste ano, quando se tornou secretário de Trabalho e Assistência Social (Setas). Em outubro, ele assumiu a chefia da Casa Civil no lugar de José Adolpho Vieira. 

Além deles, também almejam uma vaga no Parlamento estadual os secretários de Desenvolvimento Econômico Carlos Avalone (PSDB), de Agricultura Familiar Suelme Evangelista (PSB), e o de Cultura Kleber Lima(SD). 

Já o secretário de Educação, Marco Marrfon irá se desincompatibilizar do cargo para se filiar ao PPS e concorrer a deputado federal. Ainda existe a possibilidade de o secretário de Infraestrutura e Logística (Sinfra), Marcelo Duarte, também deixou a pasta. 

Além desses secretários, também deve deixar o cargo nos próximos dias o secretário estadual de Ciência e Tecnologia, Domingos Sávio, pois o partido dele, o PSD, decidiu sair da base de apoio do governo e colocou os cargos à disposição. 

As convenções partidárias para a definição dos candidatos devem ser realizadas entre 20 de julho e 5 de agosto. Já o registro dos candidatos e coligações devem ser feitos até o dia 15 de agosto, prazo limite para os partidos e as coligações apresentarem junto à Justiça Eleitoral o requerimento de registro de candidatos.

FolhaMax

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!